https://sodecristo.org.br/hejme/wp-content/uploads/2019/10/expressao_universal_pensamento_novo_site-300x201.jpgIdeia interna que se manifesta na língua Esperanto, tem seu princípio nas Vontades celestes, por ser um recurso que se identifica com os propósitos do Cristo, de levar a Humanidade à paz duradoura, missão de conduzir-nos ao estado de um povo manso e pacífico, identificados com o Mundo dos Espíritos, estabelecendo definitivamente a qualidade de ser ela a expressão universal do pensamento.

Emmanuel nos coloca na pista de uma realidade transcendental com essa valiosa informação; devemos praticar com todo empenho e com toda nossa fé espírita, para o entendimento dessa língua e, quando estivermos em pleno uso do idioma divino, consuetudinário e estabelecido na alma da humanidade, estaremos no próximo passo rumo ao futuro, a nos levar à sintonia do pensamento por disciplina e afinidade, em pleno impulso à efetiva comunicação mental.

Estamos tendo o privilégio de enxergar a ação íntima dessa língua, a ideia interna que procede do mundo espiritual, em uso devidamente empregado ao plano Crístico de cada planeta que se encontra a um grau de entendimento elevado: a humanidade já vivendo os momentos de novos rumos a seguir, a realidade do Espírito.

Expressão universal do pensamento, é a comunicação mental dos Espíritos, que tem em sua estrutura um perfeito equilíbrio; inflexibilidade e ausência de elementos estranhos que caracteriza ruídos na comunicação. Transmite e recebe numa mesma sintonia, os quantuns criados pela mente, compondo as ideias que se quer, para o entendimento mútuo. Esses quantuns graficamente representados são, nada mais e nada a menos, as palavras, para nós, encarnados.

Cada palavra é um quantum de energia que não tem a mínima chance de se parecer com qualquer outra no repertório a ser representado na comunicação entre dois ou mais indivíduos, a não ser ela mesmo em outras falas; não tendo sinal algum de perda ou acréscimo pela repetição. Esse é o pensamento que precisamos transmitir, ao mesmo tempo que emitimos as palavras quando em uso da língua Esperanto.

Em nossas comunicações terrenas, de um modo geral, ainda isso não acontece por ter muita desigualdade, tanto na expressão gráfica da ideia emitida quanto na própria ideia, que a mente iludida pelos conhecimentos atávicos, não tivemos uma reciclagem justa até então.

Em um outro momento, de sua sagrada missão, nosso Irmão Emmanuel disse serem as palavras, o retrato de nossas almas, nada mais que a expressão pessoal do pensamento; uma língua é a expressão coletiva do pensamento de seu povo; o que cada povo emite, confirma a disparidade de regras que existem entre nações, regiões e vizinhos.

A expressão Universal do Pensamento é a linguagem dos Espíritos, quando utilizado no espaço a nível Sideral.

Bilhões de Espíritos encarnados quando deixam a Terra levam consigo os mesmos conceitos de seu povo, para as suas Nações no Invisível, contíguo ao Físico, com diferenças não muito distantes das que deixaram entre as terrenas.

Nosso Irmão, pelas suas reveladoras palavras, filtradas por um canal extraordinariamente de confiança, o nosso Chico, indica-nos ser, o Esperanto, a linguagem Universal do Pensamento, materializada para a união dos povos neste Mundo de Provações nos dois Planos da vida.

Todas as Seitas e Religiões, conscientes da origem da língua Esperanto e o seu objetivo, se incumbirão de exercê-la e de zelar por ela na Humanidade, pela expressão fundamental, incorruptível, de onde foi tomada por base.

Aproximam-se as Bem-aventuranças!